4 vantagens da segurança como serviço para bares e restaurantes

Comentários · 348 Visualizações

Toda empresa precisa adotar controles de segurança, seja para gerenciar a disponibilidade de recursos, seja para proteger o ambiente de rede.

As vantagens da segurança como serviço para bares, lanchonetes, restaurantes e demais estabelecimentos de comida são inúmeras e neste texto listamos quatro delas.

A começar pelo firewall, que permite separar a rede corporativa usada pelos funcionários da rede disponível aos clientes, além de filtrar todas as requisições.

Mas esse é apenas o primeiro passo e, por isso, o investimento em tecnologia de segurança pode ser um desafio, principalmente os estabelecimentos de comida, que vivem uma migração intensa para o mundo digital nos últimos anos.

Quanto mais dispositivos conectados à rede e estabelecendo comunicação com a web, maior a necessidade de ter um firewall. Na abordagem tradicional, as empresas precisam comprar hardware e software para implantar os recursos de segurança em sua rede. Porém, para diminuir os custos, é possível optar por formatos de contratação como serviço.

 

O que é o segurança como serviço?

As a service é uma modalidade de comercialização de produtos e serviços a partir de um contrato periódico. No caso de segurança, o estabelecimento fica isento do investimento de propriedade de hardware e software, da folha de pagamento e das horas de suporte, ao contratar um integrador que se responsabilizará por estas ofertas, por exemplo. O restaurante ou bar firma um contrato por tempo determinado e pode mudar o escopo do serviço de acordo com novas necessidades ao longo do tempo.

Confira as vantagens que a contratação de segurança como serviço oferece:

 

  1. Investimento pré-definido em recursos variados

Os estabelecimentos devem investir em controles de segurança, seja para manter seu ambiente de TI disponível e com desempenho de qualidade, como para proteger dados. Mas, em alguns casos, o custo de propriedade de hardware pode ser alto para a empresa. Além do produto, há também demanda para um profissional especializado que gerencie a segurança, o que significa uma folha de pagamento mais onerosa.

Mas ao usar o segurança como serviço, surge a possibilidade de investir em diversos recursos uma forma mais flexível e adaptada à sua própria realidade. Com um contrato mensal, anual ou plurianual a empresa tem acesso a tecnologia confiável, a funcionalidades integradas que gerenciam e protegem o ambiente, com suporte especializado, sem necessariamente ter profissionais na sua folha de pagamento e hardware alocado.

Em termos de custo-benefício é um ajuste ideal para pequenos e médias estabelecimentos e, além dos pontos citados acima, essa modalidade pode também diminuir os custos com a manutenção – a depender dos termos de contrato, a responsabilidade pode ser do integrador.

 

  1. Capacidade de escalar recursos

Toda pequeno bar, restaurante ou lanchonete quer crescer. E quando chega o momento para aumentar a operação, a infraestrutura de TI e segurança com certeza devem estar no planejamento. O crescimento dos negócios refletirá em investimento e mais recursos para a atender às novas necessidades – mais pessoas no atendimento, mais clientes, mais dispositivos, aumento da infraestrutura de rede, novas aplicações, novos hardware etc.

No formato de aquisição do serviço, é possível atualizar os termos do contrato, adotando novas especificações de segurança à medida que a empresa cresce.

 

  1. Garantia de disponibilidade das aplicações críticas ao negócio

A alta disponibilidade é um recurso de extrema importância para evitar a interrupção do negócio. Por exemplo, falhas no funcionamento do firewall podem impedir a conectividade ou expor dispositivos corporativos a tráfegos maliciosos.

O estabelecimento pode optar pelo serviço de alta disponibilidade, sem necessariamente pagar pelo equipamento físico adicional, que será ofertado pelo provedor dentro dos termos do contrato de serviço.

 

  1. Aumento da produtividade das equipes

A cultura em pequenas empresas pode ser mais flexível, mas sem perder a produtividade. Entre os recursos que podem colaborar para otimizar o desempenho da equipe estão os filtros de conteúdo web e controle de banda. O primeiro garante a filtragem das páginas web que podem ser acessadas, evitando que os usuários sejam expostos a conteúdo de risco em páginas da internet, enquanto o controle de banda administra recursos de rede para as atividades que são mais importantes em dado momento.

Comentários